Dicas simples para cuidar de sua maquiagem

Toda mulher vaidosa gosta de usar maquiagem. Mas é preciso ficar atenta ao seu uso e manutenção. Produtos vencidos ou mal armazenados podem comprometer tanto seu visual quanto a saúde de sua pele. É preciso ficar alerta na validade de sua maquiagem.

Observe regularmente a data de vencimento de seus produtos e descarte os já vencidos, pois podem ocasionar riscos à saúde, como o surgimento de alergias, espinhas, irritação na área dos olhos, etc. As regiões mais sensíveis são as pálpebras, lábios e colo. O rímel é um dos cosméticos que mais provocam irritações devido à proximidade de seu uso com a região dos olhos, sendo os mais expostos e vulneráveis a uma contaminação.

Alguns produtos tendo a validade vencida não apresentam modificações, mas podem já estar contaminados por bactérias que vão infectar o usuário. Outros apresentam alterações nítidas como mudanças na sua textura, aparência e odor.

Outros agravantes do mau uso da maquiagem podem ser a vermelhidão, coceira, visão embaçada e é preciso sempre tomar alguns cuidados antes e após o seu uso, para garantir a beleza de sua pele e o não comprometimento da saúde da mesma.

 

    

Dicas para sua maquiagem

dicas para cuidar de sua maquiagem

– Maquiagem deve ser armazenada em local seco. Por isso evite deixá-las no banheiro, local de muita umidade, propício à proliferação de bactérias;

– Guarde sua maquiagem nos armários em frasqueiras ou necessaires  e leve-as ao banheiro somente quando for usá-las. Cuidado para que as embalagens não sofram danos, ficando sujeitas a contaminação;

– verifique periodicamente a validade de seus produtos e descarte os que já vencidos;

– antes de utilizar a maquiagem, limpe bem sua pele, hidrate-a e use protetor solar, ou prefira produtos que já contenham fator de proteção;

– antes de dormir retire toda a maquiagem, pois sua permanência na pele pode provocar danos como ressecamento, espinhas, irritações e envelhecimento. À noite a pele respira e seus poros devem estar limpos, livres de toxinas;

– maquiagens em pó são mais indicadas que as líquidas pois estas são mais propensas a contaminação.

    

Maquiagem e alergias 

maquiagem e alergias

Alguns componentes que fazem parte da composição da maquiagem como o óxido de ferro, conservantes ou mesmo suas fragrâncias podem desencadear alergias em algumas mulheres. Seus efeitos podem ser cumulativos, ou seja, se manifestar após algum tempo de uso.

Pessoas que apresentam já algum tipo de alergia a animais, a poeira ou apresentam rinite alérgica estão mais propensas a manifestar algum tipo de alergia. Também estão mais vulneráveis quando seu sistema imunológico está baixo.

Quando as alergias se manifestarem, não desanime. Existe já no mercado várias opções de produtos hipoalergênicos que possuem até hidratante e proteção solar.

Você pode optar também por produtos feitos à partir de extratos mais naturais, como os minerais. Sendo mais suaves, não agridem sua pele e garantem uma efeito mais natural.

 

Dermatite de contato à maquiagens

Um cosmético é definido como um produto aplicado topicamente usado para embelezar, limpar ou proteger o cabelo, pele, dentes ou tez.

Em essência, um cosmético não deve conter nenhum ingrediente ativo que possa afetar a estrutura ou função da pele.

Produtos cosméticos (como sabonetes, loções, maquiagem para rosto e olhos, fragrâncias, etc.) podem provocar reações alérgicas em algumas pessoas. Muitas pessoas sofrem de alergias e qualquer pessoa em qualquer idade pode desenvolver alergias.

As reações alérgicas são a reação exagerada do sistema imunológico a substâncias que, de outra forma, podem ser inofensivas. Um alérgeno pode desencadear o sistema imunológico para liberar substâncias químicas, como anticorpos, que resultam em sintomas de alergia.

 

 

Fatores de risco para dermatite de contato por maquiagens

Aqui estão alguns fatores que podem levar ao desenvolvimento de reações alérgicas de contato a cosméticos:

  • Produtos cosméticos baratos tendem a usar produtos químicos mais abrasivos e sensibilizantes
  • Se você tem um histórico de reações alérgicas a detergentes, cremes ou joias, é mais provável que você desenvolva reações a rímel, creme de barbear, delineador
  • Se você tem histórico familiar de dermatite de contato e alergia a cosméticos
  • Deixar os produtos cosméticos durante a noite prolonga o tempo de exposição e dá ao produto químico cosmético tempo para penetrar na pele
  • Ter a pele seca e escamosa dá a capacidade dos produtos químicos de passar por baixo das camadas protetoras e causar a reação e a sensibilização
  • Se você já teve uma reação alérgica prévia

Agende uma consulta através do nosso WhatsApp

Dra. Juliana Toma – Médica Dermatologista pela Universidade Federal de São Paulo – EPM

Clínica no Jardim Paulista – São Paulo – SP

Dra. Juliana Toma

CRM-SP: 156490 / RQE: 65521. Médica Especialista em Dermatologia pela SBD. Residência Médica em Dermatologia pela UNIFESP - Universidade Federal de São Paulo. Pós-Graduação em Dermatologia Oncológica pelo Instituto Sírio Libanês. Pós-Graduação em Pesquisa Clínica - Principles and Practice of Clinical Research - Harvard Medical School (EUA).

Deixe o seu comentário