Cuidados com os cabelos para o verão

Embora o verão seja conhecido por ser uma estação de diversão  ao sol, você sabia que também pode ser a estação mais prejudicial para os nossos cabelos?

O verão é uma estação muito esperada, mas exige certos cuidados com sua pele e cabelo. Ambos ficam muito vulneráveis com a ação do vento, da água do mar, da piscina e da areia. Os cabelos tendem a ficar muito ressecados e sem brilho. A desidratação deixam os fios mais fracos e opacos, somado ao fato que o sol e o calor contribuem ainda mais para o ressecamento. O vento embaraça os fios e a areia faz com que as escamas se rachem, as cutículas se abram tornando os cabelos quebradiços.

Para proteger o cabelo de todas essas agressões é necessário primeiramente o uso de um chapéu para protegê-los do sol e do vento. Na sombra retire-o para que o couro cabeludo não fique muito abafado com o calor e o suor. Durante o verão o couro cabeludo deve estar sempre limpo caso contrário estará sujeito a seborreia e a caspa.

Após a saída da água do mar e da piscina é imprescindível a lavagem do cabelo para retirar todos os resíduos do sal e do cloro, para que o cabelo não fique ressecado. Inclusive o cobre presente na água de algumas piscinas, provavelmente advindo do encanamento, torna amarelo os cabelos mais claros.

Nesta época do ano evite quanto puder o uso de químicas, pois elas danificam os fios abrindo as cutículas, ficando estes ainda mais fragilizados para enfrentar o sol, a praia e a piscina. Procure sempre hidratar os fios, pelo menos uma vez por semana.

Não há restrição quanto a lavagem do cabelo todos os dias, mas deixe-os soltos, nunca os prenda molhados (danifica o cabelo) e procure utilizar algum produto sem enxágue e com filtro solar.

Neste período vale a ressalva de não lavar os cabelo com água muito quente, pois estimula mais as glândulas sebáceas, contribuindo para a oleosidade. Lave-o duas vezes, deixando os produtos agirem e enxágue muito bem, retirando todos os resíduos.

Para cabelos ressecados é importante o uso de algum produto leave-in. Vale lembrar também que a saúde do cabelo depende também de uma boa alimentação, à base de proteínas.

perigos da exposicao solar
  • 01.Os raios ultravioleta podem penetrar na cutícula do cabelo, causando danos como ressecamento, fragilidade e desgaste.

    A radiação ultravioleta atinge o córtex e causa perda de pigmentação e degradação de proteínas, o que pode causar danos graves ao cabelo.
  • 02.O calor do sol de verão pode deixar seu cabelo sem vida e flácido.

    Isso ocorre devido à alta umidade da atmosfera. Essa umidade pode se depositar em seu cabelo e torná-lo mais pesado, deixando o cabelo flácido.

O calor do verão intensifica os danos que são normalmente causados ao cabelo com o uso de aparelhos de modelagem. O cloro das piscinas e o cabelo constantemente úmido pela piscina ou mar pode danificar os fios.

Evite excesso de calor

Há calor suficiente lá fora como no verão, você não precisa aumentar o problema usando mais calor para pentear seu cabelo. Esta é a época de abandonar os aparelhos de cabelo!

Seu secador de cabelo é o primeiro culpado. Deixe-o na gaveta e use uma toalha de microfibra para secar o cabelo. Isso ajudará a evitar o frizz e a absorver o máximo de água possível. Em seguida, opte por secar ao ar enquanto termina o resto de sua rotina matinal.

E enquanto você está nisso, deixe seu modelador de cabelo e chapinha também na gaveta.

Evite excesso de lavagens

O suor e o verão andam de mãos dadas, mas lavar o cabelo a cada cinco segundos para se livrar da graxa não ajuda em nada. Lavar os fios com xampu com muita frequência pode tirar a oleosidade necessária de seu cabelo para ter um aspecto brilhante e forte.

Tente lavar a cada dois ou a cada dois dias e, nos dias intermediários, use um shampoo seco. Se o seu cabelo parece especialmente sujo, tente usar um shampoo condicionador em vez do tradicional – essas fórmulas com pouca espuma ajudam a limpar o cabelo sem secá-lo!

Evite excessos na piscina ou mar

Enquanto a maioria de nós mergulha direto na piscina – ou no oceano – com o cabelo totalmente seco, deveríamos realmente fazer uma pausa para preparar o cabelo antes de ir nadar.

O cloro das piscinas e o sal do oceano secam incrivelmente – e podem até retirar a tonalidade dos cabelos pintados.

Como nossos cabelos secos são muito porosos e sempre buscam hidratação, quando mergulhamos direto com os cabelos secos, nossos fios absorvem essas águas ressecantes. Antes de mergulhar, molhe o cabelo com água doce – ou melhor ainda, aplique um óleo de cabelo ou máscaras capilares para proteção adicional!

Agende uma consulta através do nosso WhatsApp

Dra. Juliana Toma – Médica Dermatologista pela Universidade Federal de São Paulo – EPM

Clínica no Jardim Paulista – São Paulo – SP

Dra. Juliana Toma

CRM-SP: 156490 / RQE: 65521. Médica Especialista em Dermatologia pela SBD. Residência Médica em Dermatologia pela UNIFESP - Universidade Federal de São Paulo. Pós-Graduação em Dermatologia Oncológica pelo Instituto Sírio Libanês. Pós-Graduação em Pesquisa Clínica - Principles and Practice of Clinical Research - Harvard Medical School (EUA).

Deixe o seu comentário